Região soma 22 casos confirmados de gripe A
Matéria via DS / Postado dia 13-06-2018

Subiram para 22 os casos confirmados de gripe pelo vírus Influenza A na Amurel. É o dobro de casos registrados até maio, quando a região apresentou 11 ocorrências.

De acordo com o gerente regional de Saúde Everson Barbosa Martins, destes, 13 casos foram registrados em Tubarão, quatro em Laguna, três em Braço do Norte, um em Pescaria Brava e um em São Ludgero. O número de casos subiu em Tubarão desde maio, que tinha contabilizado oito registros. 

Agora, são sete do tipo H1N1, e seis de H3N2. Em Braço do Norte e Laguna – que contabilizavam juntos três casos –, os casos também aumentaram. Em Laguna, dos quatro casos, dois são de H1N1 e dois de H3N2; e em Braço do Norte, os três casos são de H3N2.

Os novos registros ficaram por conta de Pescaria Brava e São Ludgero, onde até então não havia registro de casos, e agora contabilizam um cada um, ambos de H1N1. 

Os números são de janeiro até este mês. Tubarão está empatada com Blumenau, com 13 casos, e estão em segundo lugar no Estado com o maior número de registros. A primeira é Florianópolis, que tem 19. Na região, nenhum óbito foi registrado.


 Vacinação continua aberta para outros grupos

A campanha de vacinação contra a gripe encerrou na sexta-feira para os grupos prioritários, e Tubarão foi a cidade que ficou em primeiro lugar no Estado em número de vacinados. Idosos e puérperas atingiram 100% da cobertura, mas crianças entre seis meses e quatro anos e gestantes não atingiram a meta. Como sobraram doses da vacina, os postos de saúde que possuem as doses passaram a disponibilizá-las para um novo grupo, que inclui crianças de cinco a nove anos e adultos de 50 a 59 anos. Quem faz parte do outro grupo prioritário também poderá se vacinar. Agora, estas doses fazem parte da rotina de vacinação dos postos e estarão disponíveis até acabarem.



Veja Também
Tubarão busca adaptação a gramado sintético
Grupo disputa provas de atletismo

Andriele Raiana Zander, Tayra de Lima Luciano, Ellen Fernandes Anfilóquio, Beatriz Rodrigues Bianco e Morgana Matias da Silva, acompanhadas do professor Jemerson Fernandes, seguem hoje para Bragança Paulista, em São Paulo. O grupo é de São Ludgero e vai disputar o Campeonato Brasileiro Caixa de Atletismo Sub-20. O retorno acontece no dia 25 de junho.

A equipe de São Ludgero disputará a prova dos 100 e 200 metros rasos, salto em distância, salto triplo, salto com vara, salto em altura, revezamento 4x100 e revezamento 4x400. O professor Jemerson Fernandes explica que bons resultados na competição poderão garantir bolsa atleta para 2019. “As atletas estão treinando forte, estão focadas e felizes com o apoio da prefeitura de São Ludgero”, enfatiza. 

Ele diz que todos os atletas da Escola Municipal de Atletismo estão cientes da carência de recursos públicos. “Sabemos do esforço que São Ludgero está fazendo para garantir a participação das atletas”, ressalta.

Gravatal tem evento de biodanza

Segue até domingo, em Gravatal, o sétimo Encontro de Ação Social e Biodanza e quarto Encontro de Educação Biocêntrica. O evento trará facilitadores do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Nordeste, Uruguai, Argentina, Chile, Portugal, no salão comunitário ao lado da igreja, em Termas do Gravatal.

Este evento tem o propósito de qualificar profissionais das áreas da educação, assistência social, turismo, saúde e estudantes para práticas e vivências em ações sociais pela dinâmica da Biodança e Educação Biocêntrica. O encontro é itinerante, acontece a cada dois anos, e já ocorreu em Porto Alegre, Córdoba (Argentina) e Gravatal. Esta é a terceira edição no município catarinense.

Empresário Nidal deve ter alta em breve