Torneio promove integração entre jovens especiais
Matéria via DS / Postado dia 16-05-2018

Promover a integração entre os jovens especiais e ainda proporcionar a atividade esportiva foram alguns dos objetivos do Campeonato de Bocha das Apaes do Litoral Sul. O evento ocorreu em Capivari de Baixo.  

A professora da Apae de Tubarão Manuela Emerick Zapelini diz que esses torneios são de suma importância para os alunos. “É através deles que muitos estudantes convivem com outras pessoas e ambientes diferentes de sua rotina. Além de promover a integração, eles participam de uma modalidade esportiva fundamental para a saúde”, explica a docente. 

Para o presidente da Apae de Capivari, Hamilton Gomes Sousa, o esporte promove um importante relacionamento social entre os jovens especiais. “Confere maior autonomia a todos, cumprindo dessa maneira o objetivo maior das Apaes e, consequentemente, gerando melhor qualidade de vida”, ressalta.

A diretora da Apae de Capivari de Baixo, Rosilene Costa Antônio, afirma que o evento foi um sucesso, garantindo a felicidade tanto dos alunos quanto da própria equipe pedagógica. “O campeonato foi incrível, os estudantes ficaram muito felizes e satisfeitos. Só tenho a agradecer a todos os envolvidos, tanto a equipe pedagógica quanto a diretoria e, claro, principalmente a todos os estudantes que participaram e fizeram do evento um sucesso”, acrescenta. 

O Campeonato de Bocha das Apaes contou com a participação de 68 alunos das instituições de Sangão, Jaguaruna, Tubarão, Treze de Maio, Laguna, Imbituba, Garopaba e Capivari. 

A vencedora da categoria bocha paralímpica e classificada para a Olimpíada Estadual das Apaes foi Priscila de Souza Gonçalves. Ela é aluna da Apae de Tubarão. O Campeonato de Bocha das Apaes do Litoral Sul ocorreu ontem à tarde, na Apae de Capivari de Baixo.



Veja Também
PRF faz escolta e orienta motoristas
Jogos são adiados por causa de greve

Os reflexos da greve dos caminhoneiros fizeram com que a Federação Catarinense de Futebol (FCF) adiasse jogos das categorias de base da Série A do Campeonato Catarinense. Ao todo, são dez partidas que tiveram nova data por causa “dos inúmeros transtornos ocasionados em virtude da greve geral dos caminhoneiros no país”, conforme o comunicado da entidade. 

O departamento de competições da entidade remarcou os duelos de fim de semana para o meio da semana, na terça ou quarta-feira. Foram quatro partidas da categoria infantil e outras quatro da juvenil (os duelos ocorrem um em seguida do outro), válidas pela quarta rodada primeira fase. Previstos para este sábado, serão disputados na quarta-feira.

Já na categoria júnior, dois jogos dos três da segunda rodada do returno foram alterados. Tubarão x Avaí e Figueirense x Joinville estavam marcados para sexta-feira e foram remarcados para terça. O duelo entre Criciúma e Chapecoense foi o único mantido, porque a delegação do Verdão do Oeste já está no Sul de Santa Catarina para a partida.

Hercílio Luz

Em comum acordo com os times participantes, o departamento de competições da Federação Catarinense de Futebol adiou as partidas das três competições das categorias de base do Campeonato Catarinense Série A 2018. O Hercílio Luz participa das categorias Infantil (Sub-15) e Juvenil (Sub-17), cujos times entrariam em campo neste sábado, contra o Guarani de Palhoça, no Estádio Renato Silveira, pela 4ª rodada da 1ª Fase. Em função da greve dos caminhoneiros, as disputas foram reagendadas para quarta-feira. Na segunda-feira (28), a FCF e a diretoria dos times participantes reavaliarão as condições e confirmarão as partidas. Caso seja necessário, uma nova data poderá ser marcada. Na sexta-feira, os dois times treinaram normalmente no Aníbal Costa. No Infantil, o time do Leão do Sul ocupa a 9ª posição, enquanto no Juvenil a equipe está em 8º lugar.

Peixe encerra fase contra o Cianorte
Entrevista: “a cidade está em obras”, diz prefeito Joares