Flamengo vence o Botafogo e vai à final da Taça Guanabara
Matéria via IG ESPORTE / Postado dia 12-02-2018
Henrique Dourado marcou seu primeiro gol com a camisa do Flamengo

Na semifinal do primeiro turno do Campeonato Carioca, o Flamengo venceu o Botafogo em Volta Rendonda por 3 a 1. Assim, vai à final da Taça Guanabara , para enfrentar o Boavista, que já havia garantido sua vaga após o empate em 2 a 2 com o Bangu. Com a vantagem, o time rubro-negro precisava apenas do empate para a classificação.

Leia também: Flamengo é a marca mais valiosa do futebol brasileiro, diz estudo 

Flamengo contou com a estreia de seu principal reforço para a temporada. O centroavante Henrique Dourado, ex-Fluminense, foi o maior artilheiro do país em 2017, com 32 gols no total. Foi ele, inclusive, que fez a primeira finalização da partida, aos 17 minutos do primeiro tempo. Diego cobrou falta e o estreante cabeceou perto do gol, dando o primeiro susto no Botafogo.

A partida, que chegou a ser paralizada por conta do calor, teve predomínio do Fla, que dificultou para que o Fogão conseguisse criar jogadas. Aos 35 minutos, Éverton faz o primeiro gol, de cabeça, após outra cobrança de falta de Diego e abriu o placar em 1 a 0. Do outro lado, o Botafogo não chegou a fazer nenhuma finalização.

O segundo tempo começou agitado e o segundo gol do Fla saiu logo no terceiro minuto de bola rolando com Henrique Dourado fazendo sua primeira marcação com a camisa da equipe. O time rubro-negro continou pressionando e buscando colocar a bola na rede, mas o Botafogo deu a resposta aos 23 minutos. Com forte chute na entrada da área, Kieza descontou o placar e marcou seu primeiro gol com pelo alvinegro, 2 a 1 para o Flamengo.

O jovem prodígio Vinicius Junior, que havia entrado no lugar de Lucas Paquetá aos 31 minutos, fez um golaço na prorrogação e garantiu a classificação do Fla. No entanto, durante a comemoração , o atacante fez o gesto de "chororô" e causou confusão dentro de campo. Os jogadores do Botafogo foram para cima do atleta de 17 anos, que levou cartão amarelo pela provocação.

Placar final: 3 a 1 para o Flamengo. Com a vitória, o time comandado pelo técnico Paulo César Carpegiani vai enfrentar o Boavista na final da Taça Guanabara, no dia 18 de fevereiro, no Estádio Nilton Santos.

 



Veja Também
Arma é apreendida dentro de veículo após abordagem em festa
Karateca tubaronense disputa Sul-Americano

Ontem, Nícolas de Souza viajou mais uma vez para defender as cores do país em uma competição internacional. O jovem karateca disputa pelo terceiro ano consecutivo o Sul-Americano da modalidade com a Seleção Brasileira, e acumula ótimos desempenhos, além de experiências muito importantes.

Aos 12 anos, Nícolas garantiu a vaga com a idade mínima para fazer parte da seleção e ainda comemorou o título de campeão. Aos 13, mais uma vez representando o Brasil na competição, foi o vice-campeão de sua categoria. Agora, com 14, segue mais uma vez em busca do pódio.

“É com muito orgulho que tenho a honra de poder representar meu país em mais um evento internacional. Estou muito feliz, pois é o meu terceiro ano consecutivo na Seleção Brasileira. Treinei muito e estou preparado para fazer o meu melhor”, revela.

“Aproveito para agradecer o apoio e a torcida de todos que estão sempre comigo. Sem a participação de todos os envolvidos, isso não seria possível”, ressalta Nícolas.

O Sul-Americano ocorre de hoje até domingo, em Guayaquil, no Equador, e reúne atletas nas disputas das categorias Sub-14, Cadete, Júnior, Sub-21 e Sênior. “As expectativas para este campeonato são boas, porém disputo uma categoria diferente e pode ter sempre surpresas. No entanto, darei meu máximo para representar bem meu país em mais um campeonato deste nível”, finaliza Nícolas.

Mulher precisa de ajuda para tratamento de câncer

A dona de casa Mércia Carvalho, de Gravatal, está precisando de ajuda. Com câncer no fígado e sem condições financeiras para arcar com o tratamento, ela precisa da colaboração de todos para continuar vivendo. O marido, Genésio, precisou parar de trabalhar para ajudar a esposa em seu tratamento.

Uma rede de solidariedade se formou nas redes sociais para tentar minimizar a dor de Mércia e sua família. O marido está afastado do trabalho há 14 meses, em busca da cura para sua esposa, e para ajudá-la em tudo o que precisa, já que a doença está em um estágio avançado. 

Mércia precisa tomar vitaminas e medicamentos importados contra o câncer, e não possui condições financeiras. Amigos da família contam que ela já ficou dois meses sem tomar os medicamentos, por não ter como arcar com estes custos. 

Quem desejar ajudar, pode fazer um depósito de qualquer valor. Os dados para depósito são: Banco do Brasil, agência 2089-3, conta 14048-1, em nome de Genésio Carvalho. Para entrar em contato, o telefone de Genésio é (48) 99697-8562.

Cursos gratuitos levam cultura a Tubarão