Criciúma arranca empate contra o Inter de Lages, mas continua na Z-2
Matéria via DC / Postado dia 12-02-2018

O martírio do Criciúma no início da temporada ganhou mais um capítulo neste sábado. O Tigre não tem motivos para aproveitar o Carnaval, pois chegou ao quinto jogo consecutivo sem vitória no Campeonato Catarinense 2018 - seis, considerando o empate diante do São Caetano pela Copa do Brasil. Ainda sob o comando interino de Grizzo, o time voltou a fazer mais uma apresentação instável, mas após estar duas vezes atrás do placar conseguiu ficar no 2 a 2 diante do Inter de Lages, no Estádio Tio Vida, na Serra, pela sétima rodada.

Com cinco pontos, o Criciúma pelo menos deixou a lanterna do Estadual. Agora, o time é o nono colocado, mas pode voltar à última posição se o Tubarão pontuar diante do Avaí, segunda-feira, em jogo que encerra a rodada, em Florianópolis. O time volta a campo na quarta-feira, às 20h30min, contra o Joinville, no Heriberto Hülse. O Inter, que soma sete pontos, visita o Tubarão, quinta-feira, às 20h30min, no Domingos Gonzales.

Disposto a deixar a lanterna, o Criciúma foi ao ataque nos primeiros minutos, mas não teve organização e boa pontaria para conseguir ficar em vantagem. Andrew até apareceu sozinho dentro da área, mas a cabeçada dele foi pela linha de fundo. A resposta do Inter de Lages foi na mesma moeda. O veterano Max acertou uma boa testada, e Luiz fez a defesa para o Tigre.

E quando o Leão Baio chegou de frente para o camisa 1 do Criciúma pela segunda vez, a bola foi para o fundo das redes. Aos 22, uma falha de marcação do Tigre deixou Luizinho sozinho, e o atacante abriu o placar. O Tigre por pouco não foi para o intervalo com uma desvantagem maior. Aos 34, Luizinho girou dentro da área e serviu Max, que de voleio mandou para fora.

A aposta de Grizzo para o segundo tempo foi uma mudança no meio de campo. O treinador colocou Luiz Fernando na vaga de Alex Maranhão e, logo no primeiro minuto, o Tigre fez o gol de empate. Após um passe do meia em profundidade, João Paulo cruzou para o meio da área, a defesa do Inter de Lages não cortou e Andrew, de carrinho, empurrou para o gol.

O Tigre se empolgou com o empate, se atirou na busca da virada, mas voltou a falhar e viu o Inter de Lages ficar na frente de novo. Aos oito, Max aproveitou cruzamento, ganhou pelo alto do lateral Eduardo e de cabeça fez 2 a 1. O Criciúma parou no goleiro Fabian Volpi, que fez a defesa em chute de Mailson e viu a trave evitar o terceiro após chute de Jean Lucas.  

A torcida do Inter comemorava o resultado positivo quando o Criciúma buscou forças para empatar mais uma vez. Aos 42, Jean Mangabeira mandou a bola para dentro da área, e Caio apareceu no meio da zaga para desviar de leve e garantir um ponto para o Tigre fora de casa.

FICHA TÉCNICA

INTER DE LAGES - 2
Fabian Volpi; Kellyton, Fernando Belém, Pierre e Sanchez; Bruno Sena (Gregory), Jeferson e Felipe (Jean Lucas); Rafhael Lucas, Luizinho (Matheus Arence) e Max.
Técnico: Leandro Niehues.

CRICIÚMA - 2
Luiz; Eduardo (Caio), Sandro, Ianson e Andrew (Kalil); Barreto, Jean Mangabeira, Wallacer e Alex Maranhão (Luiz Fernando); João Paulo e Mailson.
Técnico: Grizzo (interino)

GOLS: Luizinho (I), aos 22 minutos do primeiro tempo. Andrew (C), a 1, Max (I), aos 8, e Caio (C), aos 42 minutos do segundo tempo.
CARTÕES AMARELOS:
 Bruno Sena (I). Andrew e João Paulo (C).
BORDERÔ: 
644 torcedores e renda de R$ 15.280,00.
ARBITRAGEM: 
Heber Roberto Lopes, auxiliado por Alex dos Santos e Henrique Neu Ribeiro
LOCAL: Tio Vida, em Lages

Confira a tabela do Catarinense 2018
Leia mais notícias sobre o 
Catarinense 2018



Veja Também
Gravatal comemora medalhas no JASC
Com cinco gols em dois jogos, Conrado comemora fase do Leão
Gravatal comemora medalhas no JASC
Candidatos do PT apresentam propostas na CDL