Escola Sem Partido: projeto é debatido em audiência
Matéria via Diário do Sul / Postado dia 12-08-2017

O projeto de lei 23/2017, que institui o Escola Sem Partido em Tubarão, foi debatido em audiência pública na Arena Multiuso, nesta sexta-feira. 

O debate contou com a participação de professores e comunidade escolar e ocorreram exposições representando as opiniões contrárias e favoráveis ao projeto.

O projeto de lei foi proposto pelo vereador Lucas Esmeraldino. Os expositores favoráveis ao Escola Sem Partido foram o deputado federal Eduardo Bolsonaro, o advogado Miguel Nagib, a psicóloga Marisa Lobo e a professora Ana Caroline Campagnolo.

“O projeto é mais simples do que se fala. É importante ressaltar que não há previsão de crime e também não estamos criando deveres, pois estes já estão na Constituição”, declarou Bolsonaro, um dos ferrenhos defensores.

Falaram contra a implantação os professores doutores Fernando de Araújo Penna (UFF) e Rosângela Pedralli (UFSC) e os professores mestres Vinicius Valença Ribeiro (IFC), Samuel Martins dos Santos (Cesusc) e Marciel Evangelista Catâneo (Unisul). 

Os defensores contrários questionam a própria necessidade do projeto de lei, já que ele aborda questões que já estão na Constituição e que já são cumpridos pelos professores. Além disso, salientam que existem questões de religião e gênero incluídas no projeto.



Veja Também
ESTACIONAMENTO ROTATIVO DEVE COMEÇAR A OPERAR NO FINAL DO PRIMEIRO SEMESTRE

O estacionamento rotativo em Tubarão deve voltar a operar ainda no primeiro semestre deste ano. Pelo menos esta é a previsão do secretário de Urbanismo, Mobilidade e Planejamento, Alexandre Moraes. 
O secretário explica que já há uma comissão formada que acompanha o projeto, desde sua viabilidade até adequações necessárias. Os integrantes já estão discutindo o termo de referência e já foi analisado, inclusive, o número de vagas que será incluído no sistema de estacionamento rotativo.
Entre as próximas ações da comissão, segundo Alexandre, está a conclusão da planilha de viabilidade econômica, conforme solicitado pelo Tribunal de Contas do Estado.
“Somente após a conclusão do termo de referência é que a prefeitura poderá lançar o edital do processo de licitação para a contratação da empresa que vai deter a concessão do serviço”, explica.
Alexandre afirma que a intenção é que os trâmites da implantação sejam concluídos e que o estacionamento rotativo passe a operar até o final deste primeiro semestre.

Dupla é presa com 990 gramas de maconha

Dois homens foram presos e encaminhados à delegacia, em Capivari de Baixo, depois de serem flagrados com 990 gramas de maconha. A droga estava dividida em porções. Conforme a Polícia Militar, policiais do Pelotão de Patrulhamento Tático da PM abordaram dois ocupantes de uma motocicleta Honda/CG 150 que estavam parados em frente a um bar no bairro Alvorada.

A dupla, conhecida da polícia por tráfico na região, estava nas proximidades de um local conhecido pelo comércio de entorpecentes. Ao avistarem os policiais, um deles, um homem de 26 anos, fugiu a pé. Segundo a PM, ele carregava uma sacola grande nas mãos, a qual, durante a perseguição, tentou dispensar.

Dentro da sacola foram encontrados três torrões de maconha, totalizando as 990 gramas. O segundo ocupante da motocicleta tentou fugir, mas foi abordado e preso. Eles foram detidos, a droga apreendida e ambos encaminhados à Delegacia de Polícia.

GMT continua sem armamento
Casal é assaltado durante caminhada

Um assalto a um casal foi registrado em Imbituba. O criminoso, até então ainda não identificado, assaltou um homem e uma mulher enquanto eles caminhavam na Estrada Geral do Rosa, no bairro Ibiraquera, em Imbituba. O crime, de acordo com a Polícia Militar, foi registrado na terça-feira. 
O assaltante chegou numa motocicleta e colocou a mão na cintura, insinuando estar armado. Das vítimas foram roubados um celular, R$ 200 e uma cópia da chave do carro do casal. As guarnições realizaram rondas, porém o autor não foi localizado.