Tubaronense se destaca com trabalho em mosaicos
Matéria via Diário do Sul / Postado dia 19-05-2017

Paisagens, desenhos abstratos, escudos de times de futebol. Estes são alguns dos temas usados pelo tubaronense Francisco de Assis Silva, de 55 anos, para a produção de mosaicos com cerâmica. O trabalho dele, produzido na Cidade Azul, já foi enviado para diversas partes do país.

Francisco conta que a produção começou há pouco mais de 15 anos, como um hobby. “Refiz um mosaico que tinha feito com papel, quando ainda era estudante, da Catedral de Tubarão. A partir daí comecei a tomar gosto e a realizar esse trabalho regularmente”, lembra.

Os mosaicos com símbolos de times de futebol são os mais solicitados. “O primeiro que eu fiz foi do Ferroviário, antigo time de futebol de Tubarão. O trabalho caiu no gosto das pessoas e acabei fazendo vários outros em seguida”, conta.

Da cidade, a Liga Tubaronense de Futebol e o Hercílio Luz já foram homenageados com mosaicos. “Agora quero fazer um do Atlético Tubarão”, revela Francisco.

Ainda no esporte, Flamengo, Botafogo, Fluminense e Grêmio são outros clubes que tiveram os emblemas registrados em cerâmica. “As pessoas também costumam pedir escudos personalizados, com o nome do torcedor”, diz.

O trabalho já ganhou capas de livros – quatro obras da Editora Unisul trazem em suas capas mosaicos feitos por Francisco – e foi enviado para outros Estados, como Rio Grande do Sul, Paraná e Bahia.

Geralmente, cada mosaico leva em torno de 30 dias para ficar pronto, já que a atividade continua sendo um hobby para Francisco, que se dedica à arte apenas nos fins de semana.

Ele também destaca que os trabalhos têm como diferencial o fato de todos os pisos e azulejos usados serem lixados, para que não ofereçam riscos. “Se não for lixado, o piso cerâmico pode machucar, cortar”, comenta.

Para saber mais sobre o trabalho, basta acessar o site www.elo7.com.br/mosaikikos/produtos.



Veja Também
PRF faz escolta e orienta motoristas
Jogos são adiados por causa de greve

Os reflexos da greve dos caminhoneiros fizeram com que a Federação Catarinense de Futebol (FCF) adiasse jogos das categorias de base da Série A do Campeonato Catarinense. Ao todo, são dez partidas que tiveram nova data por causa “dos inúmeros transtornos ocasionados em virtude da greve geral dos caminhoneiros no país”, conforme o comunicado da entidade. 

O departamento de competições da entidade remarcou os duelos de fim de semana para o meio da semana, na terça ou quarta-feira. Foram quatro partidas da categoria infantil e outras quatro da juvenil (os duelos ocorrem um em seguida do outro), válidas pela quarta rodada primeira fase. Previstos para este sábado, serão disputados na quarta-feira.

Já na categoria júnior, dois jogos dos três da segunda rodada do returno foram alterados. Tubarão x Avaí e Figueirense x Joinville estavam marcados para sexta-feira e foram remarcados para terça. O duelo entre Criciúma e Chapecoense foi o único mantido, porque a delegação do Verdão do Oeste já está no Sul de Santa Catarina para a partida.

Hercílio Luz

Em comum acordo com os times participantes, o departamento de competições da Federação Catarinense de Futebol adiou as partidas das três competições das categorias de base do Campeonato Catarinense Série A 2018. O Hercílio Luz participa das categorias Infantil (Sub-15) e Juvenil (Sub-17), cujos times entrariam em campo neste sábado, contra o Guarani de Palhoça, no Estádio Renato Silveira, pela 4ª rodada da 1ª Fase. Em função da greve dos caminhoneiros, as disputas foram reagendadas para quarta-feira. Na segunda-feira (28), a FCF e a diretoria dos times participantes reavaliarão as condições e confirmarão as partidas. Caso seja necessário, uma nova data poderá ser marcada. Na sexta-feira, os dois times treinaram normalmente no Aníbal Costa. No Infantil, o time do Leão do Sul ocupa a 9ª posição, enquanto no Juvenil a equipe está em 8º lugar.

Peixe encerra fase contra o Cianorte
Entrevista: “a cidade está em obras”, diz prefeito Joares