Adolescentes apreendidos com drogas
Matéria via Diário do Sul / Postado dia 19-05-2017

Um adolescente de 16 anos e outras duas, de 15 e 17 anos, foram apreendidos ontem, em duas abordagens feitas pela Polícia Militar em Tubarão. A primeira apreensão aconteceu pela manhã. Após denúncias de populares, a guarnição da Radiopatrulha seguiu até o bairro Recife.

Lá, os policiais observaram uma movimentação intensa de venda de drogas envolvendo quatro jovens. Um adolescente de 16 anos fugiu correndo e foi logo abordado pelos policiais militares. Foram encontradas com ele 20 pedras de crack.

Durante a tarde, duas adolescentes foram flagradas vendendo entorpecentes. Uma das jovens no momento da abordagem colocou algumas pedras de crack na boca, porém ainda foram encontradas dez pedras.

A operação contou ainda com o apoio de outra guarnição, com uma policial, que realizou as revistas nas garotas. Foram apreendidas as dez pedras de crack e uma quantia em dinheiro. Todos foram encaminhados à delegacia.



Veja Também
JEC aguarda instalação de geradores na Arena para enfrentar o Tupi esta noite
Criciúma recebe hoje o América-MG com meta de somar os primeiros pontos
Tubarão Futsal enfrenta o Foz Cataratas hoje à noite
Assaltante procurado é preso em Tubarão

Um dos assaltantes mais procurados de Tubarão foi preso ontem à tarde, pela Polícia Civil, por meio da Divisão de Combate a Furtos e Roubos.

O jovem, de 18 anos, é acusado de ser um dos envolvidos no assalto a uma marcenaria no bairro São Martinho. O crime foi praticado no último dia 5 de maio por quatro pessoas, que levaram do local cerca de R$ 40 mil.

A operação foi deflagrada na manhã de ontem para cumprir mandado de prisão preventiva. De acordo com os policiais, ele é um dos assaltantes mais procurados da Cidade Azul e possui inúmeras passagens por roubo, porte de arma e homicídios.

No assalto à marcenaria, o quarteto efetuou disparos contra funcionários e o proprietário do estabelecimento e o fato foi registrado como latrocínio tentado.

De acordo com o delegado André Crisóstomo, as investigações foram encerradas e os quatro autores do crime já foram identificados. Dois deles já foram capturados e a polícia permanece em busca dos outros dois assaltantes.