Audiência em Tubarão discute praças de pedágio no trecho Sul da BR 101
Matéria via https://agorasul.com.br/ / Postado dia 07-11-2019

A Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano promove nesta sexta-feira (8), na Arena Multiuso Estêner Soratto da Silva, em Tubarão, uma audiência pública, a partir das 9h, para debater a instalação de quatro praças de pedágio no trecho sul da BR-101, entre Laguna e São João do Sul, na divisa com o Rio Grande do Sul.

 

O leilão do trecho da rodovia está previsto para ocorrer até o fim deste ano e o planejamento da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), órgão que regula a malha rodoviária brasileira, é que sejam instaladas praças de cobrança em Laguna (km 298), Tubarão, divisa com Treze de Maio e Jaguaruna (km 346), Araranguá, divisa de Maracajá (km 408), e São João do Sul, divisa com Passo de Torres (km 460).

 

O deputado Volnei Weber (MDB), proponente da audiência pública, afirma que o objetivo principal é ouvir a comunidade, coletar informações e sugestões. “Não posso deixar que a região Sul seja prejudicada com a instalação de mais pedágios. Não sou contra parcerias público-privadas, pois sei a importância delas para o desenvolvimento da região Sul, mas não posso concordar com instalações excessivas de praças de pedágio e com valores absurdos, especialmente entre trechos de curta distância.” Weber diz que se fossem duas praças de pedágios até seria aceitável, mas quatro com mais uma já existente é uma proposta descabida.

 

As projeções indicam que as cobranças devem ser de até R$ 5,19. A proposta, disse Weber, vem gerando muitas críticas e indignação entre a população e lideranças da região, tendo em vista que o trecho da BR-101 entre Florianópolis e o limite com o Paraná, que perfaz uma distância maior (240 km), possui apenas três praças de pedágio e o valor cobrado aos motoristas é de apenas R$ 2,70.

 

“Em um primeiro momento, estamos simplesmente brigando e lutando por igualdade”, declarou. “Dizem que pode até baixar esse valor de R$ 5,19 com o leilão do trecho, mas pode ser que fique. Esse valor não atende a realidade do sul catarinense, ainda mais que acabamos de receber a duplicação da rodovia, por isso a importância deste debate em audiência pública.”

 

Segundo o deputado, a BR-101 no trecho Sul está em boas condições, faltando apenas a manutenção. “Então não é preciso investir R$ 7 bilhões, situação que faria a tarifa dos pedágios ser alta.”



Veja Também
Desmatamento na Amazônia atinge maior nível em 11 anos, diz Inpe
Evando soma seu primeiro ponto, mas Avaí está rebaixado à Série B
Balneabilidade: 78,2% dos pontos estão próprios para banho em Santa Catarina
STF investiga suposta propina para eleição de Cunha na Câmara

A Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano promove nesta sexta-feira (8), na Arena Multiuso Estêner Soratto da Silva, em Tubarão, uma audiência pública, a partir das 9h, para debater a instalação de quatro praças de pedágio no trecho sul da BR-101, entre Laguna e São João do Sul, na divisa com o Rio Grande do Sul.

 

O leilão do trecho da rodovia e

leia mais ...