Jovem confessa ter matado companheiro de 41 anos a facadas em Florianópolis
Matéria via https://ndmais.com.br/noticias/jovem-confessa-ter-matado-companheiro-de-41-anos-a-facadas-em-florianopolis/ / Postado dia 12-08-2019

Um homem de 41 anos foi morto a facadas dentro de casa, na manhã de sábado (10), no bairro Monte Cristo, em Florianópolis. Segundo o delegado Ênio de Oliveira Mattos, da Delegacia de Homicídios, o crime foi motivado por uma briga de casal. O companheiro da vítima, um jovem de 25 anos, de acordo com o delegado, confessou ter cometido o crime e foi preso em flagrante.

 

Ainda conforme o delegado Mattos, os dois moravam juntos e estavam em um relacionamento há dois anos. Ao chegar no local do crime, a PM encontrou o companheiro da vítima dentro da casa e o encaminhou à delegacia.

 

A vítima chegou a ser atendida por socorristas do Samu, mas não resistiu aos ferimentos. Não havia indícios de confronto entre o casal ou testemunhas. A arma utilizada no crime foi encaminhada à perícia.

 

No início do depoimento, segundo o delegado, o suspeito alegou que a vítima havia tirado a própria vida. No decorrer do interrogatório, no entanto, acabou confessando o homicídio.

 

O homem detido é natural do Paraná e possui passagens por lesão corporal. Já a vítima era natural de Florianópolis e possuía passagens por ameaça, lesão corporal, dano e furto.



Veja Também
Delegação do Pan-Americano tem nove integrantes tubaronenses
Justiça determina prisão preventiva de acusado de matar namorada em Imbituba
Lava Jato investiga crimes que causaram prejuízos de R$ 6 bilhões

Um homem de 41 anos foi morto a facadas dentro de casa, na manhã de sábado (10), no bairro Monte Cristo, em Florianópolis. Segundo o delegado Ênio de Oliveira Mattos, da Delegacia de Homicídios, o crime foi motivado por uma briga de casal. O companheiro da vítima, um jovem de 25 anos, de acordo com o delegado, confessou ter cometido o crime e foi preso em flagrante.

 

Ainda conforme o delegado M

leia mais ...

Bolsonaro diz que incêndios não podem gerar sanções ao Brasil